Comércio Conversativo (em tradução livre): As quatro maiores redes de diálogo (como Whatsapp) superaram as quatro maiores redes sociais.

Isso inspira uma série de considerações.

Uma nós temos cantado faz muito tempo: pessoas precisam interagir também nas esferas restritas dos amigos íntimos. Era apenas uma questão de tempo das redes sociais se tornarem grandes demais e as de diálogo serem adotadas pela maioria dos amigos.

Entretanto há outro desdobramento provável que é a conversação com empresas por língua natural, coisa que chegará por aqui primeiro em serviços como Uber, Netflix e companhias aéreas por exemplo.

O artigo abaixo traz uma boa quantidade de considerações e insights. (via @Youpix)

Nearly a year ago today, I wrote a post inventorying the forebears to what I believe has become the dominant trend of co…

Source: 2016 will be the year of conversational commerce — Chris Messina — Medium

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

Mande para suas redes sociais