Imagem: artigo da Folha “linkado” no fim do post

Recebi ontem por mensagem o vídeo de maduro comentado no artigo abaixo (guardei também no meu clipping: Carta de Maduro aos EUA).

Antes de mais nada precisamos aprender a compartilhar notícias procurando alimentar a leitura crítica e artigos que procurem mostrar vários aspectos da notícia.

O artigo da Folha não é perfeito, obviamente, mas esclarece o início da crise atual com a rejeição de vários países (incluindo o Brasil) às eleições venezuelanas de 2018 porque a oposição as boicotou colocando em dúvida a legitimidade dela. Também apresenta algumas repercussões internacionais tanto da crise quanto da comunicação de Maduro.

A BBC fez um artigo útil sobre o poderio militar da Venezuela que nos permite perceber que o ponto central é se a população acabará se unindo contra uma intervenção internacional ou se a aceitarão.

Conhecendo um pouco a história da Venezuela, que viveu décadas de prosperidade apoiada nos petrodólares sendo mais uma vítima de uma economia que não soube se diversificar, mas que ainda pode nutrir o orgulho do passado.

Esse vídeo, também da BBC, pode ajudar a começar a formar uma visão geral dos anos dourados da Venezuela:

Enfim, temos que resistir a dois perigosos efeitos cognitivos: o impulso de se informar sobre tudo e o efeito Dunning Kruger.

Ou seja, se não temos tempo para nos aprofundar em um assunto é melhor deixá-lo para mais tarde ou podemos terminar com a ilusão de que estamos com uma boa noção a respeito dele (o tal efeito Dunning Kruger) e criando uma visão distorcida da realidade que, em casos extremos, produz absurdos como a crença de que a Terra é plana.

Esse post é o que eu considero que é o mínimo a fazer ao receber uma informação fragmentada: ignorar ou gastar coisa de 40 minutos pesquisando e procurando somar fontes para que os interessados possam seguir adiante.

Em uma carta aberta endereçada à população dos Estados Unidos, na qual pediu apoio contra uma intervenção estrangeira, o ditador venezuelano, Nicolás Maduro, comparou a atual situação de seu país com as do Vietnã e do Iraque antes da ação militar americana.

Source: Em carta aos EUA, Maduro compara Venezuela a Iraque e Vietnã – 08/02/2019 – Mundo – Folha

Share This

Compartilhe!

Mande para suas redes sociais