Claro que o “processo instaurado” a que ele se refere pode ser o conjunto de eventos, desconfortos políticos, enfraquecimentos de alianças etc.

No entanto é difícil não ver no comentário uma confissão de que o impeachment nada teve a ver com corrupção ou pedaladas fiscais e sim com uma articulação para instaurar um plano de governo que foi rejeitado nas urnas. Ou seja, uma confissão de golpe não só contra o governo, mas contra a sociedade.

Em palestra para empresários nos EUA, Temer declarou que Brasil passa por “estabilidade política extraordinária” ao defender implementação de agenda neoliberal.

Source: Michel Temer diz que impeachment aconteceu porque Dilma rejeitou ‘Ponte para o futuro’

Salvar

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

Mande para suas redes sociais