No final de 2008 a mídia procurava os chamados tuiteiros para mostrar livros, filmes, peças de teatro, celulares e todo tipo de produto, mas isso foi antes da explosão de novos usuários e, principalmente, do advento dos mendigos de seguidores e dos seguidores robô.

Todos sabemos que o Twitter é uma rede social com grande velocidade de trasmissão de informações e que o prestígio de cada tuiteiro frente aos seus segiudores é elevado, ou seja, se alguém tuita algo seus amigos provavelmente aprovarão.

Isso faz desse espaço um exclente lugar para promover qualquer tipo de produto.

Pelo menos fazia.

Se uma empresa chega hoje ao Twitter e busca os usuários supostamente mais respeitados encontrará pessoas seguidas por dezenas de milhares de pessoas que, no entanto, não são pessoas, mas perfis estranhos que alguns alegam serem falsos e criados apenas para engrossar o número de seguidores de quem acha que precisa ser muito seguido.

É natural que as empresas de marketing social, principalmente as novatas, se inibam diante da dúvida: “quem tem prestígio e é influente no Twitter?”

A Intrernet é um espaço interessante demais, influente demais para ser ignorado e o Twitter é o nome da vez e ninguém quer ficar de fora. Empresas online como Submarino e Ponto Frio são presenças óbvias e outras continuam se juntando como a Coca-Cola que surgiu essa semana com o perfil @semanaotimismo.

Tenho a impressão de que essas empresas, sem saber a que tuiteiros procurar, estão criando suas próprias presensas na esperança de se aproximar, mas é uma tática com seus riscos, afinal espera-se uma interação mais pessoal com as empresas ou pessoas que participam do Twitter e essas empresas estão acostumadas a ter a mídia entre elas e seus clientes.

O que a Coca Cola fará, por exemplo, se alguém perguntar a ela no Twitter sobre a exploração das fontes de São Lourenço?

No momento vejo o Twitter como território de alto risco para ações de marketing, uma região onde empresas não devem entrar sem um bom guia.

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

Mande para suas redes sociais