Imagem: Digital Quadrant – Estonia’s evoting system

Já está na hora de associações, sindicatos, clubes, cooperativas e outros grupos com centenas ou uns poucos milhares de participantes votarem online em quem fará a gestão da organização?

Esse é um dos posts que vou ter que ir desenvolvendo ao longo do tempo. Nesse momento ele começará mais como uma lista de sistemas de votação online.

Minha resposta preliminar para a pergunta é que sim, em muitos casos já é seguro e vantajoso votar online.

Segue a lista sem uma ordem específica.

  1. SurveyMonkey: A princípio seria minha escolha apesar de não ser especificamente para isso. É uma empresa com boa reputação e tem versão em português. É grátis até 100 respostas, 1000 custariam 84 reais por mês e o plano ilimitado custa 949 reais.
  2. SimplyVoting: É um sistema específico para esse tipo de votação. Garante segurança e acessibilidade (as votações podem ser feitas inclusive por telefone e papel). Eleições online com mil eleitores custam 500 dólares. Creio que não tem versão em nossa língua.
  3. Doodle: Está aqui por motivo de nostalgia. Era a ferramenta que usávamos nos primórdios do Twitter. É gratuito, mas não oferece segurança. Pode ser bom para votações em um grêmio ou até um clube, mas não para um sindicato ou cooperativa.
  4. Elections Online: O site é muito estranho, parece do século passado, nos faz sentir inseguros, mas talvez valha a pena estudar o que ele oferece
  5. Scytl: Lê-se “saito” e agora tem versão brasileira. A apresentação impressiona, tem casos de sucesso inclusive no Brasil. A política de preços não ficou clara para mim e o sistema parece um pouco complexo.
  6. Helios: Parece um sistema mais voltado a pequenas eleições como diretórios acadêmicos ou clubes pequenos. A documentação e a arquitetura de informação do site é ruim. Não dá para descobrir nem quanto custa e nem como é o procedimento de voto.
  7. ElectionBuddy: Se diz adequado para associações, sindicatos e escolas. O custo é de 99 dólares para mil eleitores.
  8. Ranker: Parece ser um tipo de youtube de votações e, portanto, bom para votações públicas de melhor ator de uma série, melhor série de um estilo, torcidas de times de algum esporte.
  9. Wedgies: Trata-se de um serviço de pesquisa online como o SurveyMonkey, porém menos complexo. Não usuaria para eleições sérias, mas com um pacote gratuito ilimitado pode ser muito interessante tanto para pesquisas quanto para votações informais. Os planos pagos oferecem recursos progressivos como colocar o próprio logotipo na pesquisa.
  10. PoolDaddy: Semelhante ao anterior. Também tem plano gratuito ilimitado.
  11. VoicePools: Esse seria mais comparável ao Survey Monkey pois não tem plano gratuito ilimitado, mas é similar aos dois acima também. O custo para fazer 10 perguntas a 1000 pessoas seria de 500 dólares

Links para pesquisa:

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe!

Mande para suas redes sociais